segunda-feira, 30 de março de 2009

R.I.P.

Maurice Jarre
(1924-2009)



Recomendo a darem um saltinho até ao
"Divas & Contrabaixos"
para uma amostra da obra de Maurice Jarre


imagem daqui

6 comentários:

Runcolho disse...

Pai do Jean Michel... coitado, não podia ter feito só coisas boas. ^^

Astrid disse...

Se o objectivo da vida é criar melhores defesas contra a morte, penso que o Jena-Michel deixou-nos excelentes motivos para viver e acreditar que tudo é possível. Quanto ao teu Cântico Negro no Festival, só posso mesmo dizer que "para frente é que é o caminho". Beijos e TUDO DE BOM PARA TI!

Helder Magalhaes disse...

Mas o que interessa, são as coisas boas que ele fez :)

Abraço, Runcolho, do
Helder

Helder Magalhaes disse...

Querida Astrid,

são sempre bonitas as suas palavras e as suas mensagens.

Obrigado pelos incentivos!

Beijos e abraços, do
Helder

Astrid disse...

Olá meu querido Helder,

Tudo azul por aí? Eu acho que lá na Inglaterra eles têm onde gastar 80.000€ seja em uma Cardok ou não! Reparaste que nas tais garagens só apareciam altas máquinas? Se eu fosse eles também tratava de esconde-las no subsolo. Eu cá com 80.000€ criava um belíssimo projecto cultural... tipo uma velha fábrica que andasse por aí abandonada e...e... vou jogar no euromilhões :) :)...
Abreijos

Helder Magalhaes disse...

Querida Astrid,

Tudo azul, sempre!

Efectivamente, tem toda a razão. Não é qualquer um que se pode dar ao luxo de construir um Cardok. Mas eles também andam um pouquinho às avessas com a libra...

De qualquer forma, o projecto cultural parece-me ser uma ideia muito mais interessante. Tem o meu apoio!
Vou também jogar no euromilhões!

Beijoss, do
Helder