domingo, 10 de maio de 2009

INTO THE WEST

Annie Lennox escreve e interpreta uma das minhas músicas de eleição, "Into the West", que integrou a Banda Sonora Original de "O Senhor dos Anéis: O Regresso do Rei".

Inspirada na história do jovem realizador Cameron Duncan, Neo-Zelandês, que faleceu aos 17 anos vítima de cancro. Apesar de muito novo, Cameron era um excelente e promissor realizador de cinema e viu algumas oportunidades surgirem-lhe no final da sua vida, conseguindo realizar uma desgastante curta-metragem baseada na sua própria vida, "Strike Zone", além de "Dfk6498".

Assistiu a algumas das gravações da saga de "O Senhor dos Anéis", na Nova Zelândia, mas não resistiu para ver o resultado final da obra de Peter Jackson. A sua vontade em não ser esquecido foi, em parte, concretizada pelo próprio Peter Jackson ao incluir todos os filmes de Cameron Duncan e um documentário sobre a vida dele na versão alongada dos filmes "O Senhor dos Anéis", através da qual eu também fiquei a par de toda esta história.

Anniex Lennox, ao tomar conhecimento disto, consegue a inspiração necessária para compôr uma música temática dedicada ao personagem Frodo. Mas, cá entre nós, a música é mesmo dedicada ao Cameron Duncan, falecido em 2003 e enterrado no topo de uma colina, com vista para a terra que o viu nascer, tal era o seu desejo:



p.s. aconselho vivamente a ouvirem a versão integral da música e não apenas este excerto interpretado para a Cerimónia dos Oscars.


4 comentários:

Astrid disse...

Muito linda a escolha e a dica, Helder. Assim como um vaso dá uma forma ao vazio, a música faz o mesmo pelo silêncio.

Beijos, flores e estrelas*****

Helder Magalhaes disse...

Eu adoro esta música, querida Astrid!

A letra e a mensagem que a música transmite é extraordinária, e nem sequer falo da orquestração magnífica do Howard Shore.
Depois de conhecer a história que está por detrás desta excelente criação musical, é de se ficar (quase) em silêncio de emoção... :)

Beijos, do
Helder

Erick Serejo disse...

Me arrepio !!

Muito linda a música. Quando ouvi pela primeira vez fiquei emocionado....

Helder Magalhaes disse...

Erick Serejo,

em primeiro lugar, obrigado pela visita ao blog.

É, de facto, uma lindssíma música!!

Cumprimentos, do
Helder